Placa de Arduino: confira os principais modelos e suas aplicações

Publicado por Mult Comercial em

O universo da eletrônica expande cada dia mais em diversas direções. Se a levarmos sobre a perspectiva utilitária de trazer mais conforto e funcionalidade para a vida das pessoas, a placa de Arduino, com certeza, é uma das ferramentas de grande impacto em muitos trabalhos. Isso porque possui capacidade de associar uma variedade incrível de atividades de forma bastante acessível. Saiba mais sobre ela!

O que é uma placa de Arduino?

o que é uma placa de arduino

Basicamente, podemos dizer que a Placa de Arduino é uma plataforma de prototipagem eletrônica, capaz de assimilar a recepção de comandos e execução de atividades programadas. É como uma plataforma física de programação de informática, em que se determina a entrada de comandos e a saída de ações. Ao clicar no botão X, ao topo do navegador, a plataforma comando responde com a ação de fechar a página.

Na verdade, a placa de Arduino também funciona dessa forma, já que pode ser programada pelo computador, fisicamente ou com shields que contém funções pré-estabelecidas.

O grande diferencial do Arduino é o fato de ser uma plataforma livre de hardware. Isso significa que você pode manipular sua estrutura como desejar, sem ter de pagar nenhum royalty de propriedade intelectual ao produzir algo com ele.

O código livre incentiva o uso da placa, que costuma ter um valor acessível e uma dimensão compacta. Com o incentivo ao uso criativo sem limitações, ambientes como a internet se tornaram uma fonte enorme e pública de conhecimentos sobre os mais diversos projetos, onde os usuários compartilham e discutem livremente suas aplicações, fórmulas e muito mais.

As estruturas variam entre si, mas as placas de arduino atuais possuem acesso via USB-AB, Micro-USB ou FTDI ao computador, sendo possível programar os comandos e ações via software, como o Arduino IDE. Os códigos são similares aos da programação em geral, porém relativamente mais simples devido à estrutura física.

Ao receber os comandos, a placa grava as funções entre suas entradas, que podem ser conectadas a muitos dispositivos, desde controladores de umidade até sensores de movimento, gás, luminosidade, barulho. No lado oposto da placa, há as saídas digitais, que também são conectadas a dispositivos para realizar uma determinada ação baseada no parâmetro indicado pela entrada.

Digamos, por exemplo, que cada vez que uma pessoa entrar pela porta de sua loja, seja emitida uma mensagem de Boas Vindas. Isso é possível ligando um sensor de movimentos na entrada que determina a intensidade. Ao atingir o parâmetro desejado (como o de um cliente caminhando), é acionado um arquivo de MP3 selecionado com a mensagem.

Muitas vezes é necessário utilizar um shield para adicionar funções, sensores e dispositivos extra para a placa. O shield é uma segunda placa que se conecta nas entradas e saídas do Arduino.

Algumas das aplicabilidades das placas de Arduino

algumas das aplicabilidades das placas de arduino

Os arduinos podem receber comandos e controlar uma variedade incrível de dispositivos e funções.

Para citar apenas algumas das mais comuns, podemos lembrar os dispositivos de alarme, lembrete, desligamento, mudança de função ou intensidade baseado em sensores de calor, gás, umidade, movimento, barulho, sinais de rede, iluminação, biometria, peso, pressão, toque, gesto.

Mais do que isso, eles conseguem associar atividades complexas em cadeia, como em dispositivos de automação industrial, controladores simples como de brinquedos até controladores CNC para corte e impressão.

Na robótica, especialmente, a Placa de Arduino é muito utilizada. Dá para criar uma série de ações com base nos diferentes comandos simultâneos recebidos, como um pequeno robô que desvia de objetos, acionando diversos dispositivos de forma dinâmica, mostrando mensagens de áudio, vídeo, sinal, luz, vibração, liberação de válvulas contendo algum químico.

As placas de arduino mais populares

Confira agora as funções e diferenças entre algumas das placas de arduino mais utilizadas:

  • Placa Arduino UNO

placa de arduino uno

Com 6 pinos de entrada analógica e 14 entradas/saídas digitais, 5V de potência e 16MegaHertz, o UNO apresenta saída USB-AB e fonte de 9 a 27V, podendo alimentar até dispositivos menores.

Podemos dizer que a UNO é a placa de arduino padrão, fácil de se trabalhar, funcional, amplamente comercializada e com preços mais acessíveis.

  • Arduino LEONARDO

arduino leonardo

Com saídas PWM e entradas digitais extras, a LEONARDO é muito similar a UNO, mas com uma diferença importante de simular mouse/teclado para computador. Essa função pode abrir um grande leque de projetos de automação no PC e criar simuladores para usar na plataforma, como de veículos, controladores de games ou dispositivos que auxiliam pessoas com necessidades especiais.

  • Ethernet

placa de arduino Ethernet

Como o nome supõe, a Aduino Ethernet tem um shield de rede acoplado e, com isso, apresenta um endereço MAC próprio, que já pode ser um espaço de IP local, possibilitando projetos de automação de rede e locais, fundamentais para a organização de ambientes profissionais e tudo o que envolver funções dentro da rede local.

  • Romeo AIO

romeo-aio

Ideal para a robótica, a AIO é como uma placa UNO já com controlador de motores integrado, com 2 Ampères cada, além de saída/entrada para Servos com alimentação independente e botões programáveis extras, inclusos direto na placa.

  • Arduino MEGA

arduino mega

Se o número de pinos e a velocidade de comunicação das placas citadas acima ainda forem pouco para o seu projeto, a Arduino MEGA tem 4 vezes mais velocidade e quantidade de pinos.

  • Arduino FIO

Arduino FIO

Compacta, a FIO é similar as demais, porém é capaz de ser manipulada sem fios. E se você precisar de uma opção ainda mais compacta, a Arduino MICRO ou a PRO MINI são ótimas! Elas possuem capacidades parecidas, mas os tamanhos são diferentes.

A placa de arduino até parece intimidadora no começo, mas conhecendo um pouco mais do conceito, aplicações, modelos e shields, você certamente já deve ter ideias para projetos com ela.

O legal é que nada pode limitar sua criatividade, a plataforma livre é perfeita para inovar. Por causa dela, a internet será uma boa companheira para aprender atividades e compartilhar conhecimentos, enriquecendo seu ambiente de trabalho ou hobbie. Você só tem a ganhar com essa plataforma tão versátil!

Aqui na Mult Comercial temos os principais modelos de placas de arduino, além de uma série completa de shields para agregar funções e comandos, dispositivos, servos e muito mais.

Para receber mais conteúdos sobre o tema, assine nossa newsletter e tenha tudo em primeira mão!

Categorias: Arduíno

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *